Schützer Educacional - Pós, Licenciaturas, Extensões, Profissionalizantes

Por que a Alemanha decidiu investir 42 bilhões de euros em universidades

Robert Koch, Alois Alzheimer, Wilhelm Conrad Röntgen, Max Planck, Theodor Adorno, Jürgen Habermas, Carl von Martius são apenas alguns dos nomes da longa lista de pesquisadores alemães que contribuíram com trabalhos que revolucionaram a ciência. Todos têm algo em comum: se formaram e desenvolveram pesquisas em universidades na Alemanha.

Ao formar novos pesquisadores e mão de obra qualificada, as universidades também são vistas na Alemanha como fundamentais para impulsionar o país no cenário internacional.

"As universidades e a ciência, além da amplitude das disciplinas, são reconhecidas aqui. Em alguns países, já não é assim. Quando vejo a situação no Brasil, onde há ataques contra Filosofia e Sociologia, percebo que vivemos na Alemanha uma situação muito mais confortável", afirma à BBC News Brasil o presidente da associação de reitores da Alemanha, Peter-André Alt.

Para ele, "quem aprende a pensar em métodos, a resolver problemas, se comunicar, tomar decisões e produzir rapidamente entendimento a partir de informações, pode atuar com sucesso em vários setores".

Neste ano, a importância do ensino superior para o país cresceu também no âmbito orçamentário, com a aprovação recente de um pacto que estabelece regras para o financiamento do ensino superior entre 2021 e 2030.

Leia mais: BBC Brasil

Pesquisar no site

Contato

Herbert Schutzer
visitas

Coluna

O carioca parece gostar de ser enganado

O que em cidades normais levaria a revoltas populares e processos judiciais, o morador do Rio de Janeiro aceita dando de ombros –  e reelege as mesmas figuras nas eleições, escreve Philipp Lichterbeck. O teleférico do Complexo do Alemão, na Zona Norte do Rio de Janeiro, foi inaugurado em 2011....

A revolução dos bichos" de Orwell: quem são os porcos?

Obra do jornalista e escritor britânico aborda a revolução soviética de forma satírica. Apesar de ter sido escrito nos últimos anos da Segunda Guerra Mundial, romance segue mais atual do que nunca, 75 anos depois. A fábula de George Orwell se passa numa fazenda: "O Sr. Jones, proprietário da Granja...