2ª Licenciatura, Pós, Extensão e Cursos

Odara e a linguagem educativa dos contos do Mestre Didi

A partir da análise sobre o conteúdo ético-estético do conto “Porque Oxalá usa Ekodidê”, de Mestre Didi, e das novas formas de recriação de um objeto símbolo da cultura ocidental de origem greco-romana, proponho adicionarmos mais um elemento para a concepção da educação no nosso contexto: a necessidade de compreender as formas de comunicação de origem africana no Brasil.

Atualmente, uma série de políticas nos cercam: ensino sobre História e Cultura dos afro-brasileiros, políticas afirmativas, programa de cotas para ingresso em universidades, diretrizes curriculares para o ensino… A validade de todas essas políticas deve ser questionada caso uma reflexão profunda sobre os referenciais existenciais da população africano-brasileira não seja feita.

Proponho aos professores e demais profissionais da educação, saírem do continente teórico-epistemológico ocidental e conhecerem outras formas de pensamento, de elaboração do mundo e da vida.

Mestre Didi, considerado um ícone da ancestralidade africano-brasileira, foi um sacerdote e artista. Sua vivência comunitária e liderança religiosa lhe conferem a possibilidade de recriar diversos contos, frutos da sabedoria acumulada na convivência com diversas comunidades-terreiro e do conhecimento do patrimônio cultural e religioso africano-brasileiro. Ele também foi alapini, sacerdote supremo do culto aos ancestrais masculinos, culto Egungun.

 

Leia mais: Por Dentro da África

Pesquisar no site

Contato

Herbert Schutzer
contador de visitas

Coluna

GEOPOLÍTICA DE UMA NAÇÃO

GEOPOLÍTICA DE UMA NAÇÃO

O que os brasileiros precisam para que a qualidade de vida atinja a maioria? Essa é uma questão antiga que teve diversas propostas desde o “famoso” Barão de Rio Branco. Mas atualmente passado mais de um século dos primeiros projetos de formação da grande nação, nos vemos sem nenhum projeto que faça...

Direita X Esquerda

Direita X Esquerda

O campo político é formado por uma variedade de posicionamentos que representam interesses diversos, que não se resumem as posições da esquerda ou da direita, estes por sua vez se aglutinam em alinhamentos que podemos distribuir em três dimensões clássicas. A distribuição dos alinhamentos políticos...