2ª Licenciatura, Pós, Extensão e Cursos

Agência S&P rebaixa nota de crédito do Brasil. Mercado aguarda novos rebaixamentos

O atraso nas reformas e as incertezas sobre a eleição presidencial deste ano estão entre os principais fatores que pesaram na decisão

A nota de crédito da dívida do Brasil foi rebaixada de “BB” para “BB-” pela agência de avaliação de risco Standard & Poor’s. O país está agora três degraus abaixo do grau de investimento (concedido a países que são considerados bons pagadores). É o primeiro rebaixamento por uma agência no governo do presidente Michel Temer.

O atraso nas reformas e as incertezas sobre a eleição presidencial deste ano estão entre os principais fatores que pesaram na decisão da S&P.

“O enfraquecimento da nossa avaliação sobre o Brasil reflete um progresso mais lento que o esperado e o fraco apoio da classe política do país para implementar uma legislação significativa para corrigir em tempo hábil a piora fiscal”, afirma.

Leia mais: Revista Fórum

Pesquisar no site

Contato

Herbert Schutzer
contador de visitas

Coluna

A LEI PELA LEI DE QUEM?

Na academia discutimos sobre a natureza e fundamentos da lei. Um debate, sem dúvida, filosófico que realizamos no mundo ideal, cuja perfeição nos instiga a reflexões na perspectiva real-ideal. O mundo ideal, perfeito, dos objetivos maiores que os ordenamentos jurídicos apresentam e que refletem os...

A ÚLTIMA FRONTEIRA DO CAPITALISMO NEOLIBERAL – É AQUI

Há dez anos escrevi um artigo sobre a África, onde discorri sobre a ação do capital na porção subsaariana do continente. Os impedimentos de natureza cultural, que apesar do longo período de colonialismo europeu, se constituíam em obstáculos a plena incorporação do continente no capitalismo...