Schützer Educacional - Pós, Licenciaturas, Extensões, Profissionalizantes

África em Pesquisa: Arranjos Institucionais para a Construção de uma Nigerianidade

Esta dissertação propõe-se a investigar os arranjos institucionais implementados pela Nigéria para a construção de uma nigerianidade e a conformação de um sentido de identidade nacional nigeriana, dentro do marco conceitual do nacionalismo e do neoinstituicionalismo. Com o intuito de contextualizar o objeto de estudo deste trabalho, começa-se por traçar um panorama do período histórico e das formas de sistemas políticos autóctones (hausa-fulani, iorubá e ibo), antes da chegada dos colonizadores ingleses, e como esses sistemas influenciaram nas diferentes formas de colonização perpetradas pelos britânicos. Seguidamente, são analisados os arranjos institucionais implementados pelos governos nigerianos, como o Federal Character Commission (FCC), o National Youth Service Corps (NYSC), bem como o rodízio de presidentes do norte e do sul no poder. A problemática do crescimento populacional e o consequente aumento da pressão das clivagens étnicas e religiosas são igualmente abordados. A conformação e o papel dos partidos políticos na democracia nigeriana são apresentados de maneira indireta, como forma de demonstrar o conjunto de práticas no sistema politico do país. Por último, traçam-se análises dos pontos positivos e negativos dos três arranjos colocados em prática pelos governos na Nigéria: o FCC, o NYSC e o rodízio de presidentes do norte e do sul, demonstrando o que deu certo e o que ainda carece de melhorias para colocar o país no caminho do desenvolvimento e da paz social.

Leia mais: Por Dentro da Africa

Pesquisar no site

Contato

Herbert Schutzer
visitas

Coluna

O carioca parece gostar de ser enganado

O que em cidades normais levaria a revoltas populares e processos judiciais, o morador do Rio de Janeiro aceita dando de ombros –  e reelege as mesmas figuras nas eleições, escreve Philipp Lichterbeck. O teleférico do Complexo do Alemão, na Zona Norte do Rio de Janeiro, foi inaugurado em 2011....

A revolução dos bichos" de Orwell: quem são os porcos?

Obra do jornalista e escritor britânico aborda a revolução soviética de forma satírica. Apesar de ter sido escrito nos últimos anos da Segunda Guerra Mundial, romance segue mais atual do que nunca, 75 anos depois. A fábula de George Orwell se passa numa fazenda: "O Sr. Jones, proprietário da Granja...