2ª Licenciatura, Pós, Extensão e Cursos

África em Conto: Kansera di no tchon

Kansera di no tchon*  Por Bernardo Alexandre Intipe, Por dentro da África   No rompimento de dia e noite não havia ninguém para me acalmar. O riacho de tristeza na minha face era minha mãe, minha tabanka que ninguém poderia impedir de transbordar de forma impetuosa e constante. Os antigos diziam que há de chegar o dia em que não haverá rompimento de dia e noite, pois será nascer e pôr do sol. Procuraram essa palavra “um” de ocidente ao oriente, de princípio ao derradeiro de suas vidas, mas não a encontraram. Ela é artigo indefinido, com esperança de que há de chegar o dia em que será definido. Décadas e décadas se passaram e a mesma cantiga ainda se canta *aonti i di Ntoni, i aos i di Djon. Houve evasão das corças* à procura de melhor condição de sobrevivência. E os que lá permanecem, continuaram a deplorar pelas presentes situações vividas ainda hoje. As que estão fora da *vila não pretendem voltar por motivos da lei de selva, pois só “vive tranquilamente os que têm poder”. Os bandos estão sofrendo de miséria e muitos estão perdendo a esperança de vida porque a floresta já não faz parte de seu habitat e a flora tem cara de tristeza porque a poluição paira sobre ela. Não há diálogo entre os animais por causa da soberania e singularidade do leão, *Si i pupa tudu tem ku kala. A emancipação se torna uma decadência brutal da *vila e a floresta deixa de existir pela inundação do riacho de tristeza do seu povo.

Leia mais: Por dentro da África

Pesquisar no site

Contato

Herbert Schutzer
contador de visitas

Coluna

GEOPOLÍTICA DE UMA NAÇÃO

GEOPOLÍTICA DE UMA NAÇÃO

O que os brasileiros precisam para que a qualidade de vida atinja a maioria? Essa é uma questão antiga que teve diversas propostas desde o “famoso” Barão de Rio Branco. Mas atualmente passado mais de um século dos primeiros projetos de formação da grande nação, nos vemos sem nenhum projeto que faça...

Direita X Esquerda

Direita X Esquerda

O campo político é formado por uma variedade de posicionamentos que representam interesses diversos, que não se resumem as posições da esquerda ou da direita, estes por sua vez se aglutinam em alinhamentos que podemos distribuir em três dimensões clássicas. A distribuição dos alinhamentos políticos...