Schützer Educacional - Pós, Licenciaturas, Extensões, Profissionalizantes

A divisão da Palestina entre judeus e árabes

Em 1947, Nações Unidas determinaram criação de dois Estados no território da Palestina. Mas, ao longo dos anos, apenas um se tornou realidade. Entenda como isso aconteceu.

O conflito entre judeus e palestinos remonta à época dos romanos, mas a atual situação na região da Palestina começou a se criar no final do século 19, quando se deu uma reordenação territorial no Oriente Médio.

Na época, duas grandes potências europeias, a França e o Reino Unido, redesenharam o mapa geográfico da região dentro de seus próprios interesses, sem observar as divisões sociais e religiosas da sociedade árabe local. A região historicamente conhecida como Palestina passou para o controle britânico, com o nome Mandato Britânico da Palestina.

Em paralelo surgiram naquela época dois movimentos nacionalistas, um deles entre os árabes (nacionalismo árabe) e o outro entre os judeus (sionismo), e ambos defendiam a criação de Estados (um árabe, o outro judeu) na região da Palestina histórica.

A partir de meados da década de 1890, milhares de judeus vindos da Europa (onde então viviam cerca de 90% dos judeus do mundo) passaram a migrar para a região da Palestina, fugindo de crescente perseguições de caráter antissemita e influenciados pelo sionismo.

Os judeus haviam sido expulsos da Palestina séculos atrás, e a região era então habitada majoritariamente por árabes. Logo, os conflitos entre os árabes que viviam na região e os judeus recém-chegados da Europa se tornaram inevitáveis.

 

Leia mais: DW Brasil

Pesquisar no site

Contato

Herbert Schutzer
visitas

Coluna

O carioca parece gostar de ser enganado

O que em cidades normais levaria a revoltas populares e processos judiciais, o morador do Rio de Janeiro aceita dando de ombros –  e reelege as mesmas figuras nas eleições, escreve Philipp Lichterbeck. O teleférico do Complexo do Alemão, na Zona Norte do Rio de Janeiro, foi inaugurado em 2011....

A revolução dos bichos" de Orwell: quem são os porcos?

Obra do jornalista e escritor britânico aborda a revolução soviética de forma satírica. Apesar de ter sido escrito nos últimos anos da Segunda Guerra Mundial, romance segue mais atual do que nunca, 75 anos depois. A fábula de George Orwell se passa numa fazenda: "O Sr. Jones, proprietário da Granja...