Schützer Educacional - Pós, Licenciaturas, Extensões, Profissionalizantes

VI Simpósio Multidisciplinar da Estácio São Paulo

04/10/2015 17:59

O Centro Universitário Estácio Radial de São Paulo e o Departamento de Pesquisa de São Paulo, promoverão, nos dias 29 e 30 de outubro  de 2015, o VII Simpósio Multidisciplinar da Estácio São Paulo – SIMESP-2015, com o objetivo de fomentar a comunicação entre docentes e estudantes que desenvolvam projetos de pesquisa nas diferentes áreas do conhecimento. O evento é uma oportunidade para que estudantes e docentes possam divulgar suas pesquisas. A programação do evento contará com a apresentação de resumos e artigos completos, previamente selecionados pelo Comitê Científico. Esses trabalhos serão publicados nos anais do evento que possui ISSN 2357-7657 (International Standard Serial Number), esse é um Número Internacional Normalizado para Publicações Seriadas, é o identificador de publicações seriadas aceito internacionalmente. Todos os trabalhos aceitos e apresentados (mesa redonda, comunicação oral ou pôster) no Simpósio Multidisciplinar da Estácio São Paulo – SIMESP poderão ser indicados no currículo Lattes com o referido ISSN, valorizando o trabalho científico desenvolvido por docentes e alunos. Aos autores dos resumos e artigos serão emitidos certificados de apresentação dos trabalhos, consideradas as regras previstas no Edital do evento. O SIMESP 2015 é aberto também para o público externo.
Confira o Edital

Pesquisar no site

Contato

Herbert Schutzer
visitas

Coluna

Justiça impõe hierarquia federativa a Diadema

A cidade de Diadema, por força do contexto nacional, resolveu unilateralmente na Região Metropolitana de São Paulo (RMSP) suspender o isolamento social para algumas atividades econômicas. Contudo, a justiça suspendeu a deliberação do prefeito, fazendo valer a decisão do Governo do Estado....

Monica De Bolle: “Hoje, dane-se o Estado mínimo, é preciso gastar e errar pelo lado do excesso”

Para a economista da Universidade Johns Hopkins, ministro Paulo Guedes está preso a dogmas ideológicos e mantém letargia para tomar decisões que afetam quem já está passando fome “E, para os defensores da calma e da serenidade, saibam: o momento é de urgência”, escreve a economista brasileira...