2ª Licenciatura, Pós, Extensão e Cursos

Nixon renúncia à presidência dos EUA por causa do escândalo Watergate

09/08/2019 09:45

Um dos maiores escândalos da política norte-americana, o Watergate, teve um dos seus principais capítulos no dia 9 de agosto de 1974, com a renúncia do presidente Richard Nixon, do Partido Republicano. Ele deixou o cargo pouco antes da votação do impeachment pelo Congresso. Depois desta avalanche na sua carreira política, Nixon só retornaria à vida pública depois de 20 anos. O caso Watergate veio a público no dia 18 de junho de 1972, quando o jornal Washington Post estampou em sua capa um assalto ocorrido na véspera à sede do Comitê Nacional Democrata, no Complexo Watergate.

Durante a campanha eleitoral, cinco pessoas foram presas, fotografando e instalando escutas no escritório do Partido Democrata. Os repórteres Bob Woodward e Carl Bernstein, do Washington Post, foram informados por uma fonte, apelidada de Garganta Profunda, de que Nixon sabia das operações ilegais. Apenas em 2005, a identidade do informante foi revelada. Em 31 de maio de 2005, W. Mark Felt, ex-vice-presidente do FBI, assumiu que era o famoso Garganta Profunda.

History

Pesquisar no site

Contato

Herbert Schutzer
contador gratuito de visitas

Coluna

A Era da Incoerência, por Herbert Schützer

Os tempos atuais desconstroem séculos de evolução do pensamento liberal que inúmeros iluministas entre outros pensadores procuraram refletir para sedimentar a ordem sucessora do obscurantismo medieval.  Aproveito para parafrasear o grande historiado Eric Hobsbawn, marcando como “Era” os tempos...

ÁFRICA SUBSAARIANA: ARENA INTERNACIONAL

O atual cenário geopolítico da região subsaariana é pautado por disputas entre as potências centrais e médias na busca das vantagens econômicas, a fim de garantir as riquezas naturais subsaarianas. No atual cenário de disputas geopolíticas em palcos africanos, destacam-se ações de antigos Estados...